terça-feira

Resenha: O sétimo filho - Joseph Delaney

Editora: Bertrand Brasil
Ano: 2015
ISBN: 978-85-286-2015-3
Páginas: 504
Classificação: 4/5
Sinopse: Em um mundo dividido entre luz e trevas, John Gregory, o Caça-Feitiço, é o sétimo filho de um sétimo filho e mantém uma cidade do século XVIII relativamente bem e longe dos maus espíritos. No entanto, ele não é mais jovem e suas tentativas de treinar um sucessor foram todas mal sucedidas – os pouquíssimos que terminaram o aprendizado são medíocres ou fracos ou covardes, e não se igualam a ele. Sua última esperança é um menino chamado Thomas Ward, também sétimo filho de um sétimo filho. De alguma forma, Thomas terá de aprender a exorcizar fantasmas, deter feiticeiras e amansar ogros que surgem sempre que o sol se põe. Seu primeiro desafio será grande – ele terá de enfrentar a Mãe Malkin, a mais terrível e poderosa feiticeira do Condado. O Sétimo Filho reúne os dois primeiros volumes da série “As Aventuras do Caça-Feitiço”: “O Aprendiz’ e “A Maldição”.


Eu recebi da Editora Bertrand Brasil o volume especial da serie de livros As aventuras do caça-feitiço, renomeado (Por conta do filme) de O sétimo filho, contendo os dois primeiros livros da serie: “O aprendiz” e “A maldição”.
O livro é sobre um menino, Thomas Ward, que por ser o sétimo filho de um sétimo filho, vê coisas que os outros não conseguem ver, como fantasmas e sombras. No Condado (onde vive) existe o Caça-feitiço, John Gregory que combate as trevas, para manter o Condado longe do perigo. Então Gregory começa a treinar Tom, para que no futuro ele possa se tornar o Caça-feitiço.

A escrita é ótima. Com um jeito de falar mais antigo e palavras menos usadas hoje em dia, mas mesmo assim adorei. Não gostei muito da primeira historia (O aprendiz), achei meio parada e sem graça, tendo um luta muito fácil. Já o segundo é ÓTIMO. Eu adorei mesmo, mais emocionante e cheia de ação. Descobri muitas coisas (uma que já desconfiava) e me deixou totalmente ansiosa para assistir o filme.

Os personagens principais são: Thomas, a sua família, John Gregory e Alice. Eu achei Tom um incrível personagem, corajoso e inteligente. De primeira não gostei de Alice, achava que ela era do mal, mas logo ela começou a mostrar que nada disso era verdade e que era do bem (mas ela faz uma burrada que me deixou P da vida). John é super mandão, mas legal. Ele faz de tudo para manter a paz no Condado.

O final foi ótimo, eu adorei mesmo, pelo fato de que não deixou no meio de uma coisa muito importante, mas mantendo um toque de “Continua...”. Estou com muita vontade de assistir o filme, mas me mantenho cautelosa e preparada, porque eu sou muito exigente e sempre fico esperando um filme muito fiel ao livro, mas pela capa, podemos perceber que uma coisa importante foi alterada, a idade de Tom e de Alice. Quero também ler o resto da coleção, e descobrir mais segredos e derrotar junto com Tom, as trevas.

Livro cedido para resenha pelo Grupo Editorial Record

Vitória Michel

Um comentário:

  1. Estou completamente fascinada pela capa desse livro e achei o enredo muito interessante. Fiquei com muita vontade de ler! *----*
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir