sexta-feira

Resenha: Marta – Breno Melo


Editora: Schoba
ISBN: 978-85-8013-014-0
Ano: 2010
Páginas: 216
Classificação: 3/5

Sinopse do livro: Marta é bipolar, adolescente e tenta viver uma historia de amor. Um velho psiquiatra, disposto a produzir Literatura leiga e fugir das teses para o meio acadêmico, narra os fatos mais significativos da vida de Marta, abrangendo toda a sua primeira adolescência, ate que possa caracteriza-la como bipolar tipo I. O mais original é que ele mostra Marta ás voltas com a vida que todos levamos  - tentando viver sua própria história de amor – e não apenas com o transtorno em si ou tratando dele.


O livro conta a história de Marta. Uma jovem que é perdidamente apaixonada por João. Depois de diversas tentativas frustradas de ficar com ele, a mesma se muda para uma cidade junto com duas amigas, para estudar. Juntas as três, buscam aproveitar a vida noturna que o novo ambiente tem.  Mesmo tendo se passado alguns anos, desde sua adolescência Marta ainda se mantêm muito apaixonada por João, fazendo de tudo por ele.

O livro é narrado na terceira pessoa, pela perspectiva de um velho psiquiatra (como menciona a sinopse). Durante a trama, acontece diversas trocas de possíveis conversas em leitor/narrador. O que não é ruim, mas no meu ponto de vista, afasta um pouco o envolvimento que o leitor começa a ter com a história apresentada. Durante esses devaneios do narrador, é mencionado muitos filósofos e trechos de livros desse tema. Outra coisa, que ao meu ver, não foi de feliz escolha do autor.Tornou a narrativa cansativa, e sem envolvimento. Parecia mais um livro didático, do que de ficção.

Apesar disso, o livro é bem elaborado. Mesmo sendo narrado em terceira pessoa, é bem fácil conhecer os personagens. Tantos os principais, quanto os secundários. Apesar de Marta ser bipolar, é realmente bem difícil decifrar essa característica dela. Vi uma teoria, que o autor, não larga isso de bandeja ao leitor. Que é de forma sutil que consegue compreender esses traços. O que pra mim, foi ruim. Pois o interesse pelo livro, surgiu quando descobri que a personagem principal era bipolar.

O autor Breno, está de parabéns pela obra. É realmente um livro que agrada uns e a outros nem tanto. Mesmo não sendo muito o tipo de leitura que gosto, vale a pena conferir e tirar suas próprias conclusões sobre a trama.

Avaliação Completa:

Capa: 3/5
Narrativa: 3/5

História: 3/5 

Kamila Raupp

2 comentários:

  1. Nossa já ouvi tanta gente falando desse livro que eu comecei a querer muito ler ele! E essa resenha só ajuda hahah.

    Bjs
    http://partesdeumdiario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Camila,

    Pode me dizer em qual cidade se passa o livro? Obrigada.

    ResponderExcluir